14 Razões para Implantar um Controle Eletrônico de Ronda

Postado por Eng. Delmo Tavares Sobrinho em 12/20/2017
14 razões para implantar um controle eletrônico de ronda

O Controle Eletrônico de Ronda é uma ferramenta que permite o acompanhamento de qualquer tipo de rota a ser seguida por colaboradores de sua empresa, objetivando melhorar a qualidade dos serviços prestados.

O rondante ou colaborador registra eletronicamente a passagem pelos locais predeterminados e, através de relatórios, será possível visualizar estas passagens com os horários dos pontos visitados e obter índices de desempenho em relação ao padrão informado.

Pode ser aplicado em diversas atividades como:

  • Guardas de segurança patrimonial vigiando propriedades
  • Zeladores de condomínio realizando o roteiro de inspeção predial preventiva
  • Supervisores de segurança verificando os postos de vigilância
  • Equipes de limpeza e conservação cuidando de ambientes diversos
  • Supervisores de segurança do trabalho inspecionando locais, etc.

Veja a seguir 14 razões que justificam a implantação de um sistema de controle de ronda.


  • Motivação dos Rondantes
    Sabendo que suas atividades estão sendo gravadas, os rondantes tem uma forte motivação para seguirem as regras e fazer patrulhas de acordo com o programado
  • Padronização dos Processos
    A implantação do sistema eletrônico estimula que sua empresa padronize os processos (regras), resultando em melhoria da qualidade dos serviços
  • Deggy Controle de Ronda
  • Redução de Custos
    O gerenciamento remoto das rondas dispensa a ida de supervisores aos postos mais afastados.
  • Aumento da Fidelização dos Clientes
    Não basta ter qualidade nos serviços prestados. Deixe seu cliente informado desta qualidade através do envio automático dos relatórios e gráficos.
  • Correção do Processo
    O sistema permite intervenção rápida no caso de a ronda não estar sendo realizada conforme as regras determinadas.
  • Procedimentos mais Simples
    Facilita os registros que os rondantes devem fazer através da Cartelas de Eventos, substituindo o preenchimento de formulários de papel.
  • Eliminação de Papéis
    Dispensa o arquivamento de papéis como relatórios e livros de incidentes.
  • Emissão de Comprovantes
    O sistema fornece um registro por escrito de toda a ronda e suas atividades, permitindo fornecer dados e/ou comprovações quando solicitados.
  • Histórico
    O sistema possibilita a obtenção rápida de dados históricos para intervalos de tempo específicos.
  • Gerenciamento de Incidentes
    Possibilita o registro e gerenciamento de incidentes, permitindo mitigar os riscos.
  • Automação
    Permite a automação total dos controles de ronda, tais como alarme de falha de ronda, envio automático de relatórios, etc.
  • Otimização dos Processos
    O sistema permite identificar folgas e gargalos que devam ser eliminados.
  • Mais Segurança ao Homem em Posto Remoto
    O monitoramento possibilita identificar mais rapidamente a imobilização do rondante que em postos remotos.
  • Adoção de Indicadores de Qualidade:
    O controle eletrônico de ronda viabiliza, através de seus dados registrados e relatórios, o estabelecimento de indicadores KPI e a adoção do SLA para as atividades relacionadas ao cumprimento de roteiros e visitas. *

* KPI e SLA são siglas que estão cada vez mais presentes nas modernas empresas prestadoras de serviço.

O KPI (Key Performance Indicator) é uma técnica de gestão, conhecida em português como Indicador-chave de Desempenho, que permite definir indicadores de desempenho que possam ser medidos.

Já o SLA (Service Level Agreement), que significa “Acordo de Nível de Serviço”, consiste num contrato entre as partes detalhando qual será a qualidade do trabalho que deverá ser entregue.